Tudodvet

Seu pet precisa de cuidados especiais no inverno!

Você sabia que, assim como os humanos, os seus pets também correm um risco maior de contrair doenças no inverno? É por isso que, com a chegada da estação, é importante tomar uma série de cuidados com os bichinhos, como conferir se as vacinas estão em dia e reforçar a alimentação.

A queda de temperatura enfraquece o sistema imunológico dos animais, que podem sofrer com problemas respiratórios, gripe e dores articulares, entre outros. Além disso, há aqueles que já possuem doenças crônicas e fazem parte do grupo de risco, principalmente os que sofrem de patologias ortopédicas e cardíacas. Lembre-se que, mesmo com a proteção de pelos, animais como os cães e gatos também correm riscos! Um grupo vulnerável, por exemplo, são os filhotes e idosos, que têm mais chances de contrair a gripe canina ou a rinotraqueíte viral felina. 

Para manter o seu pet saudável nessa estação, siga essas dicas:

– Vacinação: Verifique se seu bichinho está com as vacinas anuais em dia, algo que é ainda mais importante nesse período! 

– Uso de vermífugos e antipulgas: Com o sistema imunológico enfraquecido, os animais também ficam mais suscetíveis a doenças como a Babesiose, Erliquiose e a Leishmaniose – essa última é uma das mais perigosas. Por isso, vermífugos e antipulgas são aliados para evitar verminoses que podem surgir nessa época.

– Conforto: No inverno, os pets passam mais tempo em suas caminhas, por isso elas devem ser mantidas quentes e confortáveis, reforçadas com cobertores. Isso também vale para almofadas, torres e tocas, e é importante se assegurar que ele está dormindo da forma que mais gosta.

– Roupas: As roupinhas são recomendadas por veterinários nessa época, especialmente para cachorros. Porém, escolha com cuidado, e evite aquelas que limitam o movimento do cão ou que possam ter acessórios que podem ser ingeridos. Para saber o tamanho ideal, verifique se o seu dedo passa entre a roupa e a pele.

– Alimentação: O sistema imunológico precisa ser reforçado! Por isso, prefira oferecer alimentos nutritivos e, se possível, insira alimentos funcionais, que produzem efeitos metabólicos ou fisiológicos benéficos. Observe também como eles preferem beber água, incentive-os e inclua alimentos mais úmidos na dieta, já que os animais tendem a sentir menos sede no inverno. Mas lembre-se sempre de consultar o seu médico-veterinário de confiança.

– Cuidados no banho: Se possível, diminua a frequência dos banhos e evite dá-los nos dias mais frios. Tenha um cuidado extra com a secagem após o banho, pois além de causar frio, a umidade deixa o animal ainda mais exposto à proliferação de micro-organismos. Preste também atenção à tosa, que não deve ser feita nesse período em animais idosos ou que têm alguma doença.

– Fique atento: A exposição ao frio pode causar hipotermia, principalmente em filhotes e idosos. Preste muita atenção a sintomas como diminuição da frequência cardíaca, falta de oxigênio, tremores e rigidez muscular. Caso perceba algum deles, leve-o imediatamente ao veterinário.

Além dessas dicas, existem produtos que podem auxiliar na qualidade de vida do pet no inverno, e você pode encontrar alguns deles na Tudodvet!

Mantenha seu animalzinho seguro e protegido durante o inverno!

Fontes: https://blog.cobasi.com.br/como-cuidar-do-seu-pet-no-inverno/

https://www.petz.com.br/blog/bem-estar/cachorro-no-frio/http://blog.boticapets.com.br/sem-categoria/3-dicas-para-manter-saude-do-pet-no-inverno/

Open chat
Fale com a Tudodvet!